Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Scouting - Thiago Maia

por P1nheir8, em 21.10.15

 

Thiago Maia é um dos mais promissores médios da nova geração brasileira. É neste momento, aos 18 anos, um dos titulares indiscutíveis na equipa do Santos. No campeonato passado, fez apenas 11 minutos na equipa principal. Para esta época, desde cedo fez parte do plantel principal, mas pouco jogava. Ou entrava perto do fim, ou nem do banco saía. A partir da 9ª jornada tudo mudou, jogo em que foi titular contra o Internacional. A partir desse dia, tem jogado praticamente os jogos todos no 11 inicial. Joga a médio centro, dividindo essa zona do terreno com o veterano Renato. Tem, até ao momento, 23 jogos feitos no campeonato e mais 5 na taça.

Thiago é um médio centro com um óptimo pé esquerdo - o mais forte dele -, muita qualidade técnica e que pode fazer qualquer posição central do meio-campo. É um jogador que tem um muito bom toque e controlo de bola, sendo muito elegante e criativo a jogar. Pensa muito rápido, normalmente joga a 1 ou 2 toques depois de receber a bola, com processos simples e jogáveis. É normal durante os jogos ver o jogador a pedir a bola aos seus colegas e a procurar espaço para a receber. É agressivo na pressão aos adversários com bola, ganhando também muitas segundas bolas. 

Gosta de gerir os ritmos de jogo, acelerando ou travando mediante o que o jogo lhe dá. No entanto, precisa de acelerar mais vezes o jogo e muitas vezes não o faz. Gosta de levar a bola no pé, e é forte nisso, já que a conduz bem colada ao pé. Uma das suas melhores qualidades é o passe longo. É mesmo muito, muito bom. Gosta de construir a partir de trás, tentando ser sempre a primeira referência da equipa para sair a jogar.

Precisa de ganhar outra intensidade de jogo, quer ofensivamente - quando não tem bola no pé - quer defensivamente - quando não tem de ir ao adversário com bola ou recuperar da perda. Por vezes, parece que não a tem porque não quer, visto que em situações de aperto o vemos muito mais intenso e rápido no campo. É um mal que muitos jogadores brasileiros têm e por causa disso têm dificuldades na adaptação à Europa, já que aqui o ritmo é muito mais alto.

Creio que está aqui um médio de enorme qualidade e que pode brilhar na Europa daqui a algum tempo. Pode jogar em qualquer posição do meio-campo, mas penso que caso ganhe a intensidade que lhe falta, será um grande número 8. Para seguir com muita atenção.

 

Uma das melhores qualidades de Thiago Maia. O passe longo.

 

É muito agressivo quando tem de sair no homem que tem bola, como é aqui demonstrado.

 

Muito rápido na recuperação defensiva, mas como disse, isto não acontece sempre. Como era uma situação em que era previsível o perigo, vemos um Thiago muito rápido e intenso na recuperação.

 

Capacidade de ganhar as segundas bolas e depois sair daquela situação com qualidade.

 

A técnica que tem. Também se percebe aqui a forma como ele tenta estar atento a tudo o que o rodeia, já que antes de receber o passe o vemos a levantar a cabeça para ver a posição dos restantes jogadores.

 

Costuma ganhar muitas bolas de cabeça, porque apesar de não ser muito alto, tem uma boa impulsão. Depois é a tal agressividade no homem com bola.

 

Perder e recuperar, sendo muito rápido a reagir ao jogador que lhe rouba a bola.

 

Deixa-se antecipar mas depois vai recuperar mais uma vez, saindo com classe e qualidade do lance.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Bola na rede


Contacte-nos por e-mail